Dermatite Alérgica à Picada de Pulgas

É considerada a principal causa de dermatite alérgica em cães e gatos em uma perspectiva global. Alérgenos presentes na saliva das pulgas são os responsáveis pela resposta alérgica. Portanto, deve-se evitar as picadas das pulgas através da utilização de produtos apropriados e controle ambiental. A doença pode ocorrer isoladamente ou associada a outras alergias.

 

Dermatite Atópica

Doença muito comum em cães, sendo considerada a segunda principal causa de dermatite alérgica nessa espécie. Dependendo da região, a prevalência da Dermatite Atópica em cães varia entre 10% e 30% da população geral. No Brasil, alérgenos presentes nos ácaros da poeira domiciliar são os principais desencadeadores da Dermatite Atópica Canina. Pode ocorrer em gatos e cavalos, porém a prevalência nessas espécies é baixa ou desconhecida.

 

Alergia Alimentar

Alergia alimentar é doença importante em seres humanos, sendo muitos os alérgenos já identificados nesta espécie. Porém, em animais, Alergia Alimentar é pouco compreendida e sua prevalência é desconhecida . Acredita-se que alimentos possam provocar reações adversas em cães, caracterizadas por sintomas gastrointestinais e/ou dermatológicos, e que em alguns casos, alimentos podem exacerbar os sintomas da Dermatite Atópica. Reações adversas a alimentos também podem ocorrer em outras espécies.

 

Alergias Respiratórias

Obstrução Recorrente das Vias Aéreas (Recurrent Airway Obstruction ou RAO) é doença comum de cavalos estabulados, podendo afetar negativamente a performance e a saúde desses animais. Seu caráter crônico pode causar danos irreversíveis ao aparelho respiratório, portanto, quanto mais cedo o diagnóstico e controle dos sintomas melhor. As causas mais comuns são alérgenos de fungos, ácaros e vegetais presentes na poeira de fenos e camas dos cavalos.

Asma Felina é doença crônica das vias aéreas inferiores dos gatos e pode estar associada à sensibilização a alérgenos ambientais, tais como polens de gramíneas e ácaros da poeira domiciliar. Sua prevalência na população de gatos é baixa ou desconhecida.

 

Urticária e Angioedema

Doença comum em cavalos, incomum em cães e rara em gatos. Trata-se de uma resposta de hipersensibilidade caracterizada por lesões avermelhadas e inchadas na pele (urticária) ou edema de extremidades (angioedema), sendo causada principalmente por medicamentos, vacinas e picadas de insetos. A identificação da causa é fundamental para a prevenção e controle da doença.

 

Outras doenças alérgicas em animais

Reações alérgicas a drogas, anafilaxia, dermatite alérgica de contato e hipersensibilidade a picada de mosquitos são outras condições alérgicas descritas em Medicina Veterinária. Em todos os casos, a identificação e controle dos componentes desencadeadores é extremamente importante.